Como é o seu café da manhã?

7 de junho de 2012 17 Comentários por Maria

O meu café da manhã foi o mesmo por longos 32 anos e cheguei a dedicar um post sobre meus antigos e novos hábitos. As mudanças foram grandes, tanto na ingestão calórica quanto na qualidade nutricional, e o mais delicioso é que tudo aconteceu naturalmente, sem qualquer sacrifício.

Pouco tempo depois daquele post, minha mesa de café da manhã foi novamente posta em palavras. Recebi uma ligação e do outro lado da linha uma simpática voz me perguntava se eu topava participar de uma matéria sobre hábitos matinais. No que diz respeito à comida, o prazer de falar sobre ela só perde para o de cozinhar e o de comer. Ou seja, topei.

A matéria saiu na edição de junho da revista Women’s Health e trouxe os hábitos matinais de quatro mulheres: uma professora de ioga, uma lutadora de jiu-jitsu, uma chef de cozinha e a blogueira aqui. Ao final de cada perfil, uma nutricionista comenta o café da manhã descrito e eu já aproveitei para equilibrar melhor o meu. Abaixo, vocês conferem as páginas com a minha entrevista.

café da manhã

café da manhã
———————–> para ler a entrevista, clique na foto e use a lupa para ampliar 

Mas e vocês, como começam o dia?

16 Comentários

  1. Claudia Lima
    5 anos atrás

    Maria infelizmente não dá para ler a entrevista.

    Legal vc ter participado! :)

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Não conseguiu nem clicando na foto, Claudia? Ao clicar aparece uma lupa que permite aumentar a imagem. ;)

      Responder

  2. Eli Ramos
    5 anos atrás

    Legal esse post. Acho que os brasileiros não dão o devido valor ao café da manhã, apesar de repetirmos para os mais novos que é a refeição mais importante do dia e tal. O meu café, como o seu, foi o mesmo por 32 anos! Pão francês com manteiga, café preto. Mais tem 1 ano que dei uma mudada, agora são 2 fatias de pão integral + queijo branco + peito de peru na chapa + café preto, ou suco a base de soja. realmente fico mais saciada e disposta.

    Bjs, e bom dia!

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Gostei de saber da coincidência dos 32 anos. rs Acho que o segredo está em se observar depois da refeição, né, Eli?! Em geral é perceptível se determinado alimento ou hábitos nos faz bem ou não.
      Beijo!

      Responder

  3. Mariana
    5 anos atrás

    Maria, muito legal a matéria sobre seu café da manhã. Coincidentemente aprendi a mesma coisa esse ano, troquei o velho pão com manteiga por iogurte desnatado com banana e minha disposição mudou totalmente tambêm. Muito legal!!!

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Tô adorando ver que tanta gente passou pelo mesmo processo, Mariana; seja pela saúde de todos, seja para consolar que não fui a única a sentir o "peso" do pão branco. :)

      Responder

  4. Ana Vergara
    5 anos atrás

    Maria, mudei meus hábitos recentemente por causa de uma dieta do meu marido (a família toda passou a ter hábitos melhores em casa). Passei de pães, biscoitos, leite com chocolate para frutas cortadas, granola, aveia e uma fatia de queijo branco. Deixo o pão integral para o lanche da manhã, sempre acompanhado de um copo de suco natural. A minha disposição e o meu estômago melhoraram demais.

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Essas reeducações alimentares têm que implicar a família toda, né, Ana?! E em geral todos saem ganhando. Na matéria não fala mas com alguma frequência preparo um suco de laranja fresquinho. Adoro.

      Responder

  5. Margarida
    5 anos atrás

    Maria,

    Achei a maior coincidência a sua pesquisa de café da manhã. Eu André morremos de rir esses dias com essa pergunta, "Como é seu café da manhã?". Francisco está com o projeto "Salada, saladinha" na escola. Cheguei na reunião da escola e por acaso falei pra professora que Francisco não gosta muito de pão, que geralmente não come. Quando mando pra escola de lanche, volta. Aí falei que então no café-da manhã comemos inhame cozido com azeite, mandioca cozida com manteiga, banana da terra, e ela respondeu: "Ah… Margarida, então você me desculpe, perguntei a ele o que ele comia no café da manhã e ele disse: Inhame. E eu dizia pra ele: Não, Francisco, isso é de almoço.Ele disse: Aipim. E eu disse de novo: Não, Francisco, isso é de almoço. Então ele,decidido, disse: salada e maçã.E foi isso que eu coloquei no quadro…"

    Tadinho…Não me lembro nunca de ter servido maçã no café… Mas ele, diante da dificuldade,inventou alguma coisa a ser aceita e seguiu em frente…

    Achei que ia gostar…

    Um beijo,

    Margarida

    Um beijo,

    Margarida

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Adorei essa história do Francisco, Margarida! Além de ser uma bela lição pra nós adultos. Mas tadinho dele…
      Conheço algumas poucas pessoas que têm o hábito de comer inhame e aipim no café da manhã; acho a idéia muito interessante mas nunca experimentei em casa. Beijão e obrigada por compartilhar ;*

      Responder

  6. Nadia Iraola
    5 anos atrás

    Oi Maria

    Eu tomo todos os dias

    1xic de café com leite ,

    1/2 mamão papaia , as vezes

    Com semente de chia

    2 torradas ou 1fatia de pão integral

    1fatia de queijo branco.

    Gostaria de comer coisas mais gostosas , tipo

    Bolo , mel

    Mas infelizmente de 1ano pra cá , engordei 4 k

    Uma pena não comer tudo que eu gosto.

    Um Bj

    Nadia Iraola

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Nadia, pra mim funciona a seguinte fórmula: aprendi a gostar de alimentos saudáveis e são eles os que comparecem com maior frequência no meu dia-a-dia. Por outro lado, não deixo de comer absolutamente nada que tenho vontade, apenas como em pequenas quantidades. Mel, por exemplo, como todos os dias, seja numa torrada, num chá ou com o mamão; mas apenas uma colher. O mesmo vale pro chocolate, que adoro, como quase todo dia, um pedaço pequeno. Ah, e pra mim é regra terminar uma refeição satisfeita, nunca cheia. rs Acho que isso faz muita diferença, na balança e no bem estar. E exercícios regulares pra manter o metabolismo em dia. ;)
      Beijo! E siga em frente que você se livra desses 4 kg. :)

      Responder

  7. Claudia Lima
    5 anos atrás

    Maria consegui ler agora. Não havia reparado na lupa.

    Obrigada! :)

    Responder

  8. Cibele
    5 anos atrás

    Um dia vou conseguir cortar do pãozinho do café da manhã de vez…rssss…mas até que consigo comer no máximo duas vezes por semana…é um bom começo, né? Mas o café preto tem que ter…esse não vou mudar nunca…bjkssss

    Responder

    • Maria
      5 anos atrás

      Sem dúvida é um belo começo, Cibele! Eu também como aos finais de semana. ;)
      Já o café, pra quê cortar, né?!
      Beijo!

      Responder

One Trackback

  1. By :: DigaMaria | Granola caseira adoçada com mel on 21 de fevereiro de 2013 at 10:57

    […] que fui entrevistada pela Women’s Health sobre o meu café da manhã e que a nutricionista que participou da matéria sugeriu que eu acrescentasse alguma fibra, comecei […]

Deixe seu comentário

Os Campos com * são obrigatórios. Mas não se preocupe, seu e-mail não será divulgado.