Caldo de legumes da minha casa

Num livro de receitas encontramos maneiras um pouco mais rebuscadas para preparar um caldo de legumes. Aprendemos como fazer um buquê garni ou um sachê de especiarias*, além de combinações ideais deste com aquele legumes. Mas aqui, trago exatamente como preparo em casa: com o que tenho na despensa e que parece combinar entre si.

Minha família nunca usou caldo industrializado. No tempo em que morava com meus pais eu não sabia percebê-lo no sabor da comida mas lembro que achava estranho quando via as mães das amigas colocando aquele tabletinho na panela. Quando conquistei minha própria cozinha, nunca pensei em comprá-los e a utilização dos caldos veio somente alguns anos depois, quando casei e me apaixonei pelo ato de cozinhar. Talvez o primeiro caldo tenha mesmo aparecido por aqui junto com o primeiro risoto… não sei precisar, mas aposto nisso. E recentemente, boa parte do que algum dia parecia sobrar – cabeça de peixe, casca de camarão, carcaça de frango – hoje entra na panela e rende um bom caldo. E quanto mais render, melhor, porque basta esterelizar alguns potes de vidro, deixar esfriar, armazená-los no congelador e ter prontinha uma boa base pra risoto, pirão, canja, molhos…

Anime-se e veja como pode ser muito simples preparar seu próprio caldo de legumes!

Caldo de legumes da minha casa etapas

Separe alguns legumes evitando aqueles com coloração forte, como a beterraba, a menos que queira um caldo colorido.

Pique os legumes, coloque-os numa panela e acrescente temperos que goste. Eu sempre uso louro, pimenta jamaica, pimenta do reino, alho e cebola. Outras boas opções são: salsinha, tomilho, alho poró e salsão.

Coloque os temperos junto com os legumes, cubra com água e leve a panela tampada ao fogo até ferver. Abaixe o fogo, e deixe fervendo com a tampa entreaberta por pelo menos uma hora, até que o caldo esteja saboroso. Espere esfriar e coe.

Não acrescente sal no caldo de legumes, pois, como estamos preparando a base pra outro prato, é preferível deixar para salgar no preparo final.

Os legumes cozidos podem virar uma ótima sopa; basta batê-los com um pouco do caldo no liquidificador, voltar pra panela pra aquecer e temperar a gosto. A sopa da foto ganhou uma caprichada colherada de requeijão.

(*) Buquê garni e sachê de especiarias são preparações aromáticas utilizadas para incrementar fundos, molhos e sopas. O buquê garni é feito com ervas e vegetais frescos, amarrados juntos formando um buquê. Já o sachê é feito com ingredientes como grãos de pimenta, ervas e especiarias, amarrados num saquinho de musseline ou gaze. Ambos são preparados de forma que os ítens aromáticos possam ser retirados com facilidade quando alcançado o sabor desejado, mesmo antes do final do cozimento dos demais ingredientes.

De acordo com dados da Food and Drug Administration (FDA) somente nos Estados Unidos, http://faricbr.com/i.php?s=cialis-5mg-preco é um estimulante sexual capaz de aumentar o libido e garantir ereções muito mais duradouras.

Você também pode gostar...

6 comentários

  1. Maria querida, que delicia esse caldo de legumes caseiro! Também faço uma panela grande de caldo de legumes em casa e depois congelo tudo! Fica divino para usar em risotos, sopas e até fazer uma carne, peixe ou frango ensopado, além de pouco sódio, o que a maioria dos industrializados tem de sobra! Adoro suas receitas! beijos Tereza

    1. Pois é, Tereza, além do sabor não ser natural ainda tem um monte de sódio! Adoro saber que mais gente já prepara seu prórpio caldo!
      Beijinhos!!

  2. celialice diz:

    Maria, adoro seus caldos até como consomê…

    1. ;*

  3. Olá! Gostaria de saber quanto tempo ele pode ser conversado? Bjos

    1. Olá, Jacqueline!
      Eu faço com uma certa frequência então o caldo que congelo acaba sendo consumido em três meses, quatro meses. Acredito que dure mais que isso sem nenhum problema mas sempre que for conservar uma comida em potes por período prolongado, esterelize-os para garantir. Aqui tem um bom post sobre isso: http://pratofundo.com/2457/como-se-faz-esteriliza
      Beijo e volte sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.