Vai um atum em conserva?

10 de agosto de 2009 7 Comentários por Maria

Saborosa e rápida. Essa foi a solução de ontem à noite. Dia de muito trabalho, bike no parque, compras de supermercado, pesquisa de preço de passagens pra irmã, pra mãe, atualização do blog… ufa! Uma tacinha de vinho por favor e… algo rápido pra comer! Uma olhada na geladeira e tudo se resolveu:

Coloque um pouco de azeite em uma fatia de pão e leve ao forno.
Enquanto isso misture atum em conserva, cebola picadinha, salsinha e cebolinha, pimenta do reino e umas gotas de limão.
Quando o pão estiver quase crocante (mas ainda macio) disponha a mistura sobre ele e salpique queijo parmesão ralado.
Volte pro forno mais um pouquinho (se o seu tiver a função gratinar, opte por ela nesse momento).

Para acompanhar, o que você tiver de salada em casa temperada com vinagre, azeite, sal e umas gotinhas de laranja.

Simples assim.

7 Comentários

  1. euinsisto
    8 anos atrás

    Mary, q delícia este seu blog! Hum… dá água na boca! Tão boa quanto as receitas é a forma como você as transmite (fundamental a arte de escrever bem para dar liga aos ingredientes). Um super beijo e parabéns!

    Responder

  2. Maria Eugenia
    8 anos atrás

    Adorei! blog delcia, voltarei sempre!

    Responder

  3. Melissa S.
    8 anos atrás

    A producao fotografica esta muito boa, por sinal!

    Responder

  4. Maria
    8 anos atrás

    Obrigada meninas!Melissa, eu tenho um nome a zelar! rsrs A verdade é que a luz tá bem improvisada. Mas já agendei pra minha próxima ida a Vitória umas aulinhas de estúdio com direito a flash e tripé de brinde.

    Responder

  5. Carol Ramos
    8 anos atrás

    vc é um anjinho nas nossas vidas! beijos

    Responder

  6. Sonia
    7 anos atrás

    To amando o blog e as receitas…..

    Responder

    • Maria
      7 anos atrás

      Que bom, Sara! Obrigada por compartilhar, viu?!
      Seja muito bem-vinda!

      Responder

Deixe seu comentário

Os Campos com * são obrigatórios. Mas não se preocupe, seu e-mail não será divulgado.