Cuscuz marroquino com frango oriental

Nasceu uma paixão: cuscuz marroquino.
Não foi à primeira vista e já explico o porquê.

Cuscuz marroquino com frango oriental

Há anos, quando jantava num restaurante paulistano, pedi um cuzscuz marroquino cujos acompanhamentos lembro vagamente. O que permaneceu em minha memória foi a sensação insossa que experimentei ao provar tal prato e que foi imediatamente associada ao ingrediente que eu conhecera naquela noite: o cuscuz, ou couscous, marroquino*.

Alguns 365 dias mais tarde, recebi a visita de um casal de amigos, seu bebê e uma caixinha de cuscuz marroquino. Fui para a cozinha sem contar – e deixando de lado – minha experiência ruim e me pus a observar com olhar de aprendiz. Dali em diante houve uma sequência de deslumbramentos:

A rapidez no preparo, pois em 5 minutos a sêmola de trigo – ingrediente que compõe o cuscuz marroquino – já estava hidratada e pronta;

A versatilidade de sabor já que podemos hidratar o cuscuz com o caldo que quisermos;

O sabor e a textura me impressionaram com sua leveza e delicadeza. Fotografei e postei no Instagram assim que a mesa foi posta!

A partir desse dia usei a sêmola de trigo muitas vezes, sempre diversificando os temperos. Na receita deste post, aproveitei todo o sabor do toque oriental que dei a esse frango, preparado com ingredientes como gengibre, pasta de soja e óleo de gergelim, e o diluí no caldo de legumes que hidratou o cuscuz marroquino. Um prato leve, bonito e saudável.

Cuscuz marroquino com frango oriental

Ingredientes para o frango (serve duas pessoas)
2 sobrecoxas de frango
1 colher de sopa de missô (pasta de soja fermentada)
1 colher de chá de gengibre ralado
2 dentes de alho espremidos
½ colher de chá de óleo de gergelim
½ colher de sopa de vinagre branco
1 colher de sopa de molho de soja
1 colher de chá de açúcar
4 colheres de sopa de cenoura e pepino agridoce (receita aqui)
1 colher de sopa de óleo de girassol para fritar

Ingredientes para o cuscuz (serve duas pessoas)
½ xícara (100 gramas) de cuscuz marroquino pré-cozido (sêmola de trigo)
¾ de xícara de caldo de legumes
molho do fundo da panela de cozimento do frango
cebolinha para finalizar

Modo de fazer
Começamos pelo frango: reserve as sobrecoxas, o óleo girassol, a cenoura e o pepino agridoce. Misture todos os outros ingredientes formando uma pasta.

Besunte o frango com essa pasta e deixe descansar por cerca de 30 minutos num recipiente.

Aqueça uma panela de fundo grosso com o óleo de girassol e frite o frango até dourar dos dois lados.

Coloque um pouquinho de água no recipiente onde estava a marinada e misture para dissolver o que restou de tempero. Junte ao frango, tampe a panela e abaixe o fogo. Deixe cozinhar por cerca de 20 minutos ou até que o frango esteja macio e completamente cozido. O fundo não deverá queimar, portanto, se necessário, acrescente um pouco de água. Desligue o fogo, retire o frango da panela e reserve.

Cuscuz marroquino com frango oriental

Mantenha na panela o molho que se formou no fundo, volte com ela para o fogo e acrescente o caldo de legumes. Mexa para misturar bem o caldo com o molho.

Quando ferver, despeje ¾ de xícara dessa mistura sobre o cuscuz e misture até envolver todos os grãos. Deixe hidratar pelo tempo indicado na embalagem do cuscuz; ele deverá ficar macio e soltinho.

Por fim, escorra bem o pepino e a cenoura e acrescente ao cuscuz. Sirva em seguida com o frango e cebolinha salpicada.

Cuscuz marroquino com frango oriental

(*) Quem quiser conhecer um pouco da história do cuscuz marroquino e das suas variações brasileiras, o paulista e o nordestino, sugiro esse artigo do IG Comida.

é o nome que sempre é usado, porém o nome do medicamento é Citrato de Sildenafil, como já havia dito.

Você também pode gostar...

20 comentários

  1. Maria,

    Eu amo cuzcuz e adorei esse frango, vou fazer com certeza! Depois conto como ficou!

    beijocas

    Letícia

    1. Let, fico até nervosa sabendo que você fará uma receita daqui. Espero – muito – que goste. :)

  2. humberto diz:

    Paixão deliciosamente compartilhada. Adorei!

    1. Que bom que gostou! Bem-vindo ao clube dos apaixonados por cuscuz!

  3. Luciana diz:

    Eu, que adoro um cuscuz marroquino, vou por essa receita no primeiro lugar da fila para ser testada!!!

    1. Aguardo seus comentários, Luciana! :)

  4. Maria o que faz esta pasta de missô, eu ñ conheço mas ja vi algumas receitas c/ ela. É um tempero, salgada, o que acontece qdo usamos este missô, se vc por gentileza puder me explicar eu ficarei muito grata pela atenção…Adoro seu site, obrigada pela generosidade em dividir suas receitas. abraços Wilma.

    1. Olá, Wilma! É um prazer compartilhar com vocês o que experimento e gosto. :)
      No post com a receita de mini berinjelas com missô tem uma resumida explicação sobre esse ingrediente vindo da culinária oriental: http://bit.ly/VVLMQ1.
      Espero que goste. ;*

  5. Eulina M. Zdunczyk diz:

    Amo couscous! Especialmente com legumes assados e temperado com limao hummmm, muito gostoso. Essa receita eu tirei de um revista aqui da Irlanda, te envio a receita se vc quiser.

    Parabens pelo jeito simples e divertido que voce aborda em cada receita, ja copiei algumas e estao aprovadissimas.

    Bjs

    1. Claro que quero, Eulina! Por favor mande para diga@digamaria.com :)
      Beijo e obrigada.

  6. Oi maria, ainda não provei o cuscuz marroquino, mas fico sempre com muitas vontade em todas as receitas que vejo.Sua receita parece deliciosa e escrita com tamanha paixão pelo cuscuz deixa com mais vontade ainda.Beijos querida.

    1. Fico feliz em saber que consegui transmitir essa nova paixão. Experimente assim que tiver oportunidade, Léia! E por favor volte para me contar o que achou. :) Beijo!

  7. Maria Amélia diz:

    Eu fiz! Ficou muito, muito bom! Acrescentei passas brancas no cuscuz antes de hidratar, ficou perfeito! Duas ótimas descobertas: cuscuz (já tinha comido mas nao sabia que era tao fácil fazer!) e misso! abraço

    1. Ai que bom já ter notícias de alguém que fez, Maria Amélia! De fato as passas brancas devem ter combinado perfeitamente. Vou colocá-las na próxima vez que fizer.
      Beijo e obrigada por ter vindo me contar.

  8. maria da conceição diz:

    Maria, eu adoro suas receitas e amo de paixão couscus marroquino , faço sempre com cordeiro ensopado e fica super delicioso .

    1. Posso apostar que fica uma delícia com cordeiro, Maria da Conceição. Ainda não experimentei essa combinação mas está na minha lista de desejos. ;)

      1. maria da conceição diz:

        Maria , é um clássico da cozinha marroquina, eles fazem geralmente na sexta-feira que é o dia santo muçulmano.

        1. Ainda vou experimentar! :)

  9. Eu amo loucamente couscous e mesmo sendo boa de cozinha nunca tive coragem de fazer. Não sei porque sempre tive a impressão de que estragaria a receita, mas agora me animei e vou fazer com certeza! Obrigada.

    1. Vai com tudo, Renata! Tendo um bom caldo e seguindo as proporções e tempo que vêm indicados na embalagem, não tem como não ficar bom.
      Depois me conte! ;*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.