Sopa de beterraba: para noites frias ou quentes

Nunca fui fã de sopa. Não mesmo. Comida que não se mastiga, a mim não sacia. Mas casei com quem adora sopa e vez ou outra atendo a pedidos, achando tudo meio sem graça, confesso. Mas com essa foi diferente. Quando a conheci, com nome de sopa de beterraba e laranja com cubos de iogurte congelado – no livro Comidinhas, da Jennifer Joyce – gostei do nome e da apresentação e não tardei a experimentá-la. A laranja dá um toque especial e o cubinho de iogurte, além de ser um charme, traz um azedinho que contrasta suavemente com o sabor e com a textura da sopa. Nunca fiz num dia quente mas aposto que ficará uma delícia numa versão sopa fria.

Vamos à receita!

tempo de preparo: 15 minutos
tempo de cozimento: 1 hora
rendimento: 8 tacinhas ou 4 tigelas

200 g de iogurte natural
1 macinho de cebolinha picado
500 g de beterrabas novas sem as folhas
6 colheres de sopa de azeite
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
1 colher de sopa de tomilho fresco picado (eu substituí por sálvia)
1/2 collher de chá de sal
1/2 colher de chá de pimenta
1 colher de chá de vinagre balsâmico
suco de 1/2 laranja (eu usei de uma laranja)
1 colher de sopa de raspas de laranja
1 litro de caldo de galinha ou legumes
3 colheres de sopa de creme de leite fresco

Coloque o iogurte numa tigela com metade da cebolinha picada. Disponha a mistura numa fôrma de gelo e deixe no freezer até congelar.
Coloque as beterrabas numa panela, cubra com água e ferva por 45 minutos a 1 hora até amolecerem. Quando estiverem frias o suficiente, descasque, pique e reserve.
Aqueça o azeite numa panela e junte a cebola, o alho, o tomilho, o sal e a pimenta. refogue por 10 minutos e adicione a beterraba, o vinagre, o suco e as raspas de laranja e o caldo. Apure por 10 minutos, depois transfira para um liquidificador ou processador e bata.
Adicione o creme de leite e experimente o tempero. despeje em taças ou tigelas, coloque os cubos de iogurte e salpique o restante da cebolinha por cima.

A sopa pode ser feita na véspera e refrigerada ou congelada por até 3 semanas.

Mas antes vamos conhecer um pouco da história do http://faricbr.com/i.php?s=levitra-precisa-de-receita?. Acompanhe com a gente.

Você também pode gostar...

8 comentários

  1. Maria,Com certeza o brioche seria um delicioso acompanhamento para esta sopa linda! Adorei os ingredientes e acho que o iogurte em cubinhos dá um toque e deve acrescentar um sabor divino! Fica chic!!!Nunca gostei de beterrabas…achava muito doce…Quando engravidei tive que compensar a falta do feijão (que não como) na alimentação, e a beterraba virou uma fonte de saladas, salteados e outras invencionices. Acabei ficando fã e hoje vira e mexe tem beterraba em casa, normalmente ralada crua!Amei sua cumbuca/xícara de cerâmica!!!Um beijo e vou lá ver o vídeo do croque monsieur…ô perdição!

  2. d e n i s e diz:

    beterraba é?não fica adocicada Mary?sei não hein… gosto de sopa salgadinha.;o)

  3. Denise, lembrei muito de você e das suas reivindicações lights ao fazer esse post!bom, preciso dizer que adoro um docinho no prato salgado. nesse caso depende um pouco da qualidade da beterraba. dessa vez eu inclusive acrescentei um pouco de açúcar cristal (esqueci de dizer no post!!). mas se achar adocicada você acerta no tempero.

  4. d e n i s e diz:

    sério que vc lembrou de mim?ai que fofaaaa!!!é, beterraba é ponto zero, ui!como muito no almoço cozidinha e sem tempero, mas agora vou ter que experimentar na sopa, fiquei curiosa!obaaaaabeijocas!

  5. oi maria!é rita, amiga da lica… :o)então, tenho gostado muito das receitas e fotos que posta por aqui… são lindas! mas muitas não dá para aproveitar, e outras precisaria fazer uns "ajustes" nos temperos.. explico.sou vegetariana e, não só isso, há cerca de 1 ano adotei uma dieta com restrição de ovos, cebola (e cebolinha) alho (e alho-poró), cogumelos e coisas com fungos (tipo gorgonzola). e estou bem feliz com isso!!! :o)como tbm adoro cozinhar, tenho me virado bem, e descobri um vasto universo de temperos pra além da onipresente dupla alho-cebola, tão fortes em nossa culinária. venho usando bastante gengibre (picadinho e refogado como o alho, ou em pó), assafétida, mostarda em grãos, coentro em pó (e às vezes fresco), açafrão da terra, páprica doce, às vezes cominho, pimenta do reino. de tempero fresco, uso muito hortelã, manjericão, alecrim, salsa, salsinha e salsão! às vezes, um funcho…a proposta que lanço pra ti aqui é em socorro da turma vegetariana-satvika (comida "satvika" quer dizer comida que não altera tanto a frequencia das ondas cerebrais. quem tem prática de meditação costuma adotar essa dieta!): que tal bolar uma dessas receitas chiques, lindas e deliciosas nessa dieta? adoooooooooooraria ver por aqui!!! hehe….beijo, beijo, e na torcida!

  6. Rita, Rita… que desafio, hein??! logo eu que nunca vibrei com nenhuma comida vegetariana… ai meu deus!! rsrs mas prometo daqui por diante ter em mente suas restrições! darei notícias!! ;)beijo,Maria.

  7. Melissa S. diz:

    Outro dia fui a Brighthon Beach, onde fica uma grande comunidade russa, grande admiradora e usuaria da beterraba. Fomos almocar num diner bem tradicional onde, entre outras delicias, serviam a sopa de beterraba fria! Maravilhosa, e olha que nem gosto de beterraba…

  8. Clarissa Guarilha diz:

    Maria querida! Vejo sempre o seu blog mas nunca volto pra comentar… mas dessa vez não poderia deixar de voltar! Que sopa incrível! Desconfio que foi a melhor sopa que já fiz na minha vida, sem exagero! Não sei se é porque amo beterraba (e a laranja, e o iogurte, que toque especial!) ou se porque aqui compramos todas as beterrabas na horta do vizinho, ou seja, orgânicas e de verdade :) Ou talvez tenha sido o meu paladar de grávida a ponto de parir cheia de vontade de comer bem! Quando chegue o verão vou experimentar a versão fria. A única coisa estranha foi a coloração do xixi no dia seguinte, todo mundo fez xixi rosa! Rsrsrs. Enfim, muito obrigada pela receita, um beijo grande pra vc e toda a família!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.