Homus de grão-de-bico (e uma homenagem)

Homus de grão-de-bico na torrada.

Algumas visitas trazem muito mais que suas presenças. Elas vêm acompanhadas de um substantivo que eu não sei como se chama, mas o fato é que chegam e expandem o tempo, o pensamento e a alegria de todos.

A visita que inspirou este post é dessas pessoas que não ocupa espaço na casa: ela está ali, mas você nota se quiser. Quando se aproxima conversa sobre o que for, não se repete, se envolve. Acompanha na cerveja, na salada, no açúcar, no choro e na risada. E mesmo quando o sol brilha forte lá fora – porque ela é dessas que ama um dia inteiro estirada na solitária e intensa companhia dele – ela não demonstra urgência em ir; o encontro parece sempre ser aonde se está (e taí uma característica que muito admiro).

Como se não bastasse tudo isso, ela ainda trouxe consigo um homus delicioso. À mesa todos fizemos um pouco de cerimônia, cada um com receio de comer mais que o outro e deixar alguém na vontade. Tão pouco durou e tanta saudade deixou. Mal acabou o final de semana – e com ele o sol, a visita e o homus – entrei na cozinha para reproduzir a receita. E há três dias é este o lanche desta casa, satisfazendo meu paladar e homenageando quem por aqui passou.

Receita de homus de grão-de-bico

Ingredientes (receita do livro Chefs)
150 gramas de grão de bico (deixados de molho por uma noite e escorridos)
suco de 2 limões
2 dentes de alho, grandes, amassados
75 ml de azeite
150 ml de tahine (pasta de gergelim)
600 ml de água
pimenta caiena (eu não tinha e substituí por caldo de conserva de pimenta dedo-de-moça)

Modo de fazer o homus
Deixe o grão de bico de molho na água da noite pro dia ou por pelo menos 5 horas. Escorra.


Leve ao fogo o grão de bico com os 600 ml de água. Ao ferver tampe parcialmente e cozinhe por poucos minutos (uns 3 se tiver deixado de molho a noite toda ou uns 5 caso tenha ficado menos tempo). Sefor na panela de pressão, basta chiar e já pode desligar o fogo, deixando esfriar completamente na panela.

Escorra, reservando a água do cozimento e umas 2 ou 3 colheres do grão de bico inteiro.

Leve o restante dos grãos ao liquidificador ou processador com o alho, o suco de limão, o azeite e 150 ml do líquido do cozimento reservado. Processe. Adicione o tahine e bata até obter uma massa lisa. Se necessário acrescente um pouco mais da água do cozimento para uma consistência menos encorpada.


Tempere com sal e pimenta, transfira para uma tigela e decore com salsinha picada, os grãos de bico reservados e azeite.


Conserve em geladeira.

Você também pode gostar...

25 comentários

  1. Marcinha diz:

    AMEI! :*

    1. Eu também! ;)

  2. Luciana diz:

    Adoro!!!

    1. :)

  3. hum q delicia!!!

    dá uma passadinha pelo meu blog: http://deliciasdaisa.blogspot.com/

  4. facílimo! vou tentar fazer…. que delícia!!! fiquei com água na boca!

    1. Você vai adorar, Iris! Podemos fazer de novo pro final de semana!!

  5. Estou doida para fazer! :)

    1. Então não se demore, Gaia, porque é uma delícia e super saudável! Além de fácil e rápido de preparar. ;*

  6. Márcia Cintra diz:

    amei !!!
    que lindo teu TEXTO !!!
    Abs ,
    Márcia

    1. Obrigada, Márcia! Foi escrito pra uma xará sua. :)
      Beijo e ótima semana!

  7. nossa! era uma que eu queria mto, a mto tempo! ˆˆ
    vivamaria!

    1. /

  8. A receita, ficou em segundo plano… o texto está tão bonito!
    Dá vontade de estar com vcs nesse lanche, e compartilhar a presença deste convidado ( que parece tão sereno)!!
    Abs
    Zina

  9. Obrigada, Zina! Ela não é dessas pessoas calmas que me vêm à mente com a palavra serenidade… ela pode ser bem agitadinha… rsrs mas é inteira, sabe?!
    Beijão! E obrigada pela bem-vinda visita. :)

  10. Maria, amo Homus e há tempos quero fazer mas estou esperando um pouco a Luísa crescer mais, o tahine é meio forte e não sei como ela sentiria…já que vai tudo para o leite! As fotos estão incríveis e o texto também! Imagino como ficou feliz sua visita!
    Um beijo grande!

    1. Que delícia que deve ser pensar na própria comida sabendo que ela se desdobrará até o alimento da pequena Luísa…
      Adorei receber sua visita, Verena. Quando tiver um tempinho (daqui uns meses rsrs) me manda um e-mail contando pra onde mudaram e como anda a vida?!
      Beijão!

  11. Lucia Jaimovich diz:

    que coisa mais linda de se ler!!!!!!!! <3
    e de se saber, de se viver, e imagino, de se comer!
    : )
    que astral essa visita!
    que maravilha esse post!
    e que delicia esse homus!

    beijos pras duas.
    : )

    1. Você conhece bem esse bom astral, né, Lucia?! ;)
      Obrigada pela visita e pelas carinhosas palavras. ;**

  12. Mais uma vez arrasou na receita ..AMO

    1. ;*

  13. Helena diz:

    Oi Maria!

    Apesar de adora homus e grão de bico, tenho tido dificuldades na hora de cozinhar o grão. Ele fica, no máximo, al dente, mesmo deixando de molho a noite toda. Será a marca q tenho usado? O q vc acha?

    Beijos

    1. Você tem cozinhado na panela de pressão, Helena?

  14. Helena diz:

    Oi Maria,

    vc sabe, desisti da panela de pressão. Nós nunca nos entendemos muito bem. Poderia dizer que somos quase inimigas, um caso de antipatia à primeira vista. Primeiro porque sempre ficava imaginando que eu ia fazer algo errado e ela ia se projetar contra o teto da cozinha, e eu ia parar naquelas estatísticas dos acidentes domésticos. Segundo porque abandonei o alumínio por aqui. Tenho preferido as panelas de pedra (aqui são fáceis de encontrar) e as de barro. Como alternativa a elas, uso as esmaltadas (para a sopinha da Clarinha).

    Faço o grão de bico e todos os outros grãos depois de ter deixado ao menos uma noite de molho, mas principalmente o grão de bico fica muito duro. Deixo cozinhando às vezes uma hora!!!!

    beijos

  15. Bárbara Mansur diz:

    Oi Maria, gostaria de saber se existe alguma alternativa para substituição do tahine. ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.